...

Cães de guarda as 5 Melhores Raças e Tudo que Você Precisa Saber

Cães de guarda

Cães de guarda desempenham um papel crucial na proteção de lares, propriedades e pessoas. São animais leais, corajosos e altamente treinados para proteger seu território. Neste artigo, exploraremos as melhores raças de cães de guarda e forneceremos informações essenciais sobre seu treinamento, características e cuidados necessários.

Raças – cães de guarda

Pastor Alemão

pastor alemão cães de guarda

O Pastor Alemão é considerado uma das melhores raças de cães de guarda. Eles são conhecidos por sua inteligência, coragem e capacidade de aprender comandos complexos. Esses cães são versáteis e podem ser treinados para uma variedade de tarefas, como patrulhar, farejar, resgatar e proteger. Além disso, são animais leais, protetores e ótimos companheiros.

Características

Características do Pastor AlemãoDescrição
Tamanho e PesoMédio a grande porte; machos pesam entre 30-40 kg, fêmeas entre 22-32 kg
AlturaMachos: 60-65 cm; Fêmeas: 55-60 cm
Expectativa de Vida9-13 anos
TemperamentoCorajoso, leal, inteligente, vigilante, protetor, obediente
Nível de EnergiaAlto
Adequado para FamíliasSim
Compatibilidade com CriançasExcelente
Socialização com Outros AnimaisRequer socialização adequada e introdução gradual
Necessidades de ExercícioAlto; precisa de atividades físicas regulares e estímulo mental
Facilidade de TreinamentoMuito fácil de treinar; inteligente e obediente
Pelagem e ManutençãoPelagem dupla; necessita de escovação regular
Problemas de Saúde ComunsDisplasia do quadril, problemas de pele, problemas digestivos, problemas articulares

Adestramento

Pastor Alemão é amplamente reconhecido como uma das raças de cães mais fáceis de treinar. Sua inteligência, disposição para agradar e capacidade de aprender rapidamente contribuem para torná-lo altamente adestrável.

Esses cães têm uma natureza obediente e são conhecidos por sua vontade de trabalhar em conjunto com seus donos. Eles são extremamente receptivos aos comandos e demonstram um desejo intrínseco de seguir as instruções dadas pelos seus treinadores.

Ao treinar um Pastor Alemão, é importante usar métodos de treinamento positivos e reforço positivo. Eles respondem melhor a recompensas, elogios e estímulos motivacionais, como petiscos ou brinquedos. O uso de punições severas ou métodos agressivos de treinamento pode ter um impacto negativo no seu desenvolvimento e no vínculo com o treinador.

Além disso, o treinamento deve começar cedo, assim que o filhote chegar em casa. Socialização adequada com pessoas, outros animais e ambientes diferentes é essencial para desenvolver um Pastor Alemão equilibrado e confiante.

Rottweiler

cães de guarda

Os Rottweilers são cães poderosos e robustos que se destacam como cães de guarda. Eles são naturais na função de proteção e possuem um instinto de guarda forte. Essa raça é conhecida por ser leal à sua família e determinada na defesa do território. Com o treinamento e socialização adequados, os Rottweilers podem se tornar excelentes cães de guarda e de companhia.

Características

Características do RottweilerDescrição
Tamanho e PesoMédio a grande porte; machos pesam entre 50-60 kg, fêmeas entre 35-48 kg
AlturaMachos: 61-69 cm; Fêmeas: 56-63 cm
Expectativa de Vida8-10 anos
TemperamentoLeal, corajoso, confiante, protetor, autoconfiante, calmo
Nível de EnergiaMédio a alto
Adequado para FamíliasSim, com treinamento adequado e socialização desde cedo
Compatibilidade com CriançasBoa, quando criados e socializados adequadamente
Socialização com Outros AnimaisRequer socialização adequada e introdução gradual
Necessidades de ExercícioModerado a alto; precisa de exercícios diários e atividades estimulantes
Facilidade de TreinamentoModerada
Pelagem e ManutençãoPelagem curta e densa; necessita de escovação regular
Problemas de Saúde ComunsDisplasia do quadril, problemas cardíacos, obesidade, problemas articulares

Adestramento

O Rottweiler é conhecido por sua inteligência e capacidade de aprender, mas sua facilidade de adestramento pode variar de acordo com o indivíduo. Em geral, os Rottweilers são cães inteligentes e dispostos a agradar seus donos, o que pode tornar o treinamento uma experiência positiva.

No entanto, é importante destacar que os Rottweilers têm uma personalidade forte e um temperamento dominante. Eles exigem um líder firme e consistente, com técnicas de treinamento baseadas em reforço positivo e consistência. O treinamento deve ser iniciado precocemente, assim que o filhote chegar em casa, para estabelecer uma base sólida de obediência e socialização.

Por serem cães poderosos e protetores por natureza, é essencial que os Rottweilers sejam socializados de forma adequada desde filhotes, expondo-os a uma variedade de pessoas, animais e ambientes. Isso ajuda a promover uma atitude equilibrada e uma resposta calma em situações sociais.

Além disso, os Rottweilers se beneficiam de treinamentos contínuos e estímulos mentais. Eles gostam de ser desafiados e de ter um propósito em suas atividades. Envolvê-los em treinamentos avançados, como obediência avançada, agilidade ou rastreamento, pode ajudar a canalizar sua energia e inteligência.

Doberman

lindo doberman

O Doberman é uma raça de cão de guarda conhecida por sua energia, inteligência e agilidade. Eles são animais altamente treináveis e se destacam em diversas atividades, incluindo proteção pessoal e guarda de propriedades. Os Dobermans são leais e protetores por natureza, tornando-os excelentes cães de guarda para famílias e propriedades.

Características

Características do DobermanDescrição
Tamanho e PesoMédio a grande porte; machos pesam entre 34-45 kg, fêmeas entre 27-36 kg
AlturaMachos: 68-72 cm; Fêmeas: 63-68 cm
Expectativa de Vida10-13 anos
TemperamentoAlerta, enérgico, inteligente, corajoso, leal, protetor
Nível de EnergiaAlto
Adequado para FamíliasSim, com treinamento adequado e socialização desde cedo
Compatibilidade com CriançasBoa, quando criados e socializados adequadamente
Socialização com Outros AnimaisRequer socialização adequada e introdução gradual
Necessidades de ExercícioAlto; precisa de exercícios diários e estimulação mental
Facilidade de TreinamentoModerada a alta
Pelagem e ManutençãoPelagem curta e densa; necessita de escovação regular
Problemas de Saúde ComunsDoenças cardíacas, displasia de quadril, problemas na coluna vertebral

Adestramento

O Doberman é uma raça conhecida por sua inteligência, determinação e disposição para aprender. Quando se trata de facilidade de adestramento, o Doberman é considerado moderadamente fácil de treinar.

Esses cães são altamente inteligentes e ávidos por agradar seus donos. Eles têm uma capacidade de aprendizado rápida e são bastante receptivos aos comandos e treinamentos. O Doberman é conhecido por sua disposição para trabalhar em conjunto com seu dono e sua lealdade.

No entanto, assim como outras raças, o Doberman pode apresentar um toque de teimosia ocasional. Portanto, é importante ter paciência, consistência e uma abordagem equilibrada no treinamento. O uso de reforço positivo, como recompensas, elogios e brincadeiras, é altamente eficaz com essa raça.

Começar o treinamento desde filhote é fundamental para estabelecer uma base sólida de obediência e socialização. Socializar o Doberman com pessoas, outros animais e diferentes ambientes desde cedo irá ajudar a desenvolver uma personalidade bem ajustada e amigável.

Bullmastiff

O Bullmastiff é um cão de grande porte, musculoso e extremamente poderoso. Embora sejam gentis e afetuosos com seus donos, eles são corajosos e protetores quando se trata de defender sua família e território. Essa raça requer um treinamento adequado desde cedo, pois sua força física exige um controle efetivo. Os Bullmastiffs são excelentes cães de guarda para propriedades maiores.

Características


Aqui está uma tabela com algumas características comuns do Bullmastiff:

Características do BullmastiffDescrição
Tamanho e PesoGrande porte; machos pesam entre 50-59 kg, fêmeas entre 41-50 kg
AlturaMachos: 63-69 cm; Fêmeas: 61-66 cm
Expectativa de Vida8-10 anos
TemperamentoCorajoso, confiável, leal, afetuoso, calmo, protetor
Nível de EnergiaModerado a baixo
Adequado para FamíliasSim, com treinamento adequado e socialização desde cedo
Compatibilidade com CriançasExcelente
Socialização com Outros AnimaisPode ser reservado com cães desconhecidos; requer socialização adequada desde cedo
Necessidades de ExercícioModerado
Facilidade de TreinamentoModerada
Pelagem e ManutençãoPelagem curta e densa; necessita de escovação regular
Problemas de Saúde ComunsDisplasia do quadril, problemas cardíacos, torção gástrica (dilatação-torção do estômago)

Adestramento

de facilidade de adestramento, o Bullmastiff pode ser considerado moderadamente fácil de treinar.

Esses cães são inteligentes e têm uma disposição para agradar seus donos. No entanto, eles também podem ser independentes e um pouco teimosos em certas ocasiões. Portanto, o treinamento requer uma abordagem consistente, firme e paciente.

O Bullmastiff responde bem a métodos de treinamento baseados em reforço positivo, como recompensas, elogios e brincadeiras. Eles são cães sensíveis e, muitas vezes, se esforçam para agradar seus donos. Portanto, o uso de punições severas ou métodos de treinamento agressivos não é recomendado.

É importante começar o treinamento do Bullmastiff desde filhote, para estabelecer uma base sólida de obediência e socialização. A socialização adequada com pessoas, outros animais e diferentes ambientes é essencial para desenvolver um Bullmastiff bem ajustado e confiante.

Devido ao seu tamanho e força, é crucial ensinar o Bullmastiff a controlar sua força durante as interações com pessoas. O treinamento de obediência básica, como o comando “sentar”, “ficar” e “vir aqui”, é importante para garantir um comportamento educado e seguro.

Boxer

Os Boxers são cães enérgicos e brincalhões, mas também têm um instinto natural de proteção. Eles são inteligentes, leais e corajosos, tornando-os excelentes cães de guarda para famílias ativas. Os Boxers são bons em alertar seus donos sobre a presença de estranhos e podem ser treinados para proteger sua casa. Além disso, eles são companheiros carinhosos e afetuosos.

Características:

Características do BoxerDescrição
Tamanho e PesoMédio a grande porte; machos pesam entre 27-32 kg, fêmeas entre 24-29 kg
AlturaMachos: 57-63 cm; Fêmeas: 53-59 cm
Expectativa de Vida10-12 anos
TemperamentoEnérgico, brincalhão, amigável, leal, corajoso, alerta
Nível de EnergiaAlto
Adequado para FamíliasSim, com treinamento adequado e socialização desde cedo
Compatibilidade com CriançasExcelente
Socialização com Outros AnimaisPode variar, requer socialização adequada desde cedo
Necessidades de ExercícioAlto
Facilidade de TreinamentoModerada
Pelagem e ManutençãoPelagem curta e fácil de manter; requer escovação regular
Problemas de Saúde ComunsDisplasia do quadril, problemas cardíacos, câncer, alergias

Adestramento

O Boxer é uma raça conhecida por sua energia, inteligência e disposição para agradar seus donos. Quando se trata de facilidade de adestramento, o Boxer pode ser considerado moderadamente fácil de treinar.

Esses cães são altamente inteligentes e têm uma personalidade brincalhona. Eles são conhecidos por serem bastante receptivos ao treinamento e por aprenderem com rapidez. No entanto, eles também podem ser teimosos em certas ocasiões, o que pode exigir paciência e consistência durante o treinamento.

O Boxer responde bem a métodos de treinamento baseados em reforço positivo, como recompensas, elogios e brincadeiras. Eles são cães motivados pelo desejo de agradar seus donos, o que facilita o treinamento utilizando técnicas de recompensa.

É importante começar o treinamento do Boxer desde filhote, para estabelecer uma base sólida de obediência e socialização. A socialização adequada com pessoas, outros animais e diferentes ambientes é essencial para desenvolver um Boxer bem ajustado e confiante.

Devido à sua energia e entusiasmo naturais, os Boxers podem ser bastante ativos. Portanto, eles se beneficiam de exercícios regulares e estimulação mental para ajudar a canalizar sua energia de forma construtiva. Passeios diários, jogos interativos e atividades de treinamento são fundamentais para manter um Boxer feliz e saudável.

Tabela com a comparação das 5 melhores cães de guarda

Características das RaçasPastor AlemãoRottweilerDobermanBullmastiffBoxer
Tamanho e PesoGrandeGrandeMédioGrandeMédio
TemperamentoLeal, corajoso, inteligente, protetorCorajoso, leal, confiávelAlerta, enérgico, inteligente, lealLeal, afetuoso, calmo, protetorEnérgico, brincalhão, leal, alerta
Nível de EnergiaAltoModerado a altoAltoModerado a baixoAlto
Facilidade de AdestramentoAltaModeradaModerada a altaModeradaModerada
Compatibilidade com CriançasExcelenteBoaBoaExcelenteExcelente
Socialização com Outros AnimaisRequer socialização adequadaPode variar, requer socialização adequadaRequer socialização adequadaPode variar, requer socialização adequadaRequer socialização adequada
Necessidades de ExercícioAltoModeradoAltoModeradoAlto
Pelagem e ManutençãoPelagem média a longa, requer escovação regularPelagem curta, fácil de manterPelagem curta, fácil de manterPelagem curta, requer escovação regularPelagem curta, fácil de manter
Expectativa de Vida10-13 anos8-10 anos10-13 anos8-10 anos10-12 anos
Problemas de Saúde ComunsDisplasia do quadril, problemas na coluna vertebralDisplasia do quadril, problemas cardíacosWobbler Syndrome, problemas cardíacosDisplasia do quadril, torção gástricaDisplasia do quadril, problemas cardíacos, câncer, alergias


As principais tarefas de cães de guarda

  • Deter e Avisar: O cão de guarda tem a função de detectar a presença de intrusos ou ameaças e emitir um aviso para alertar seus donos. Isso pode ser feito através de latidos, rosnados ou postura corporal imponente.
  • Proteger o Território: Um cão de guarda é responsável por proteger o território que lhe foi designado. Isso inclui a casa, a propriedade ou qualquer área que esteja sob sua supervisão. O cão deve estar atento a possíveis invasões e tomar medidas adequadas para afastar intrusos.
  • Patrulhamento: Os cães de guarda são frequentemente treinados para realizar patrulhas regulares ao redor da propriedade ou área que estão protegendo. Eles percorrem os limites do território, verificam portões, cercas e pontos de acesso para garantir a segurança do local.
  • Intervenção em Caso de Ameaça: Se uma ameaça se tornar real e a simples presença do cão não for suficiente para dissuadir o intruso, o cão de guarda pode ser treinado para intervir fisicamente. Eles são capazes de tomar ações defensivas para proteger seus donos ou propriedade.
  • Acompanhamento e Escolta: Alguns cães de guarda são treinados para acompanhar e escoltar seus donos em situações potencialmente perigosas, como durante caminhadas noturnas ou em áreas com alta criminalidade. Eles fornecem uma camada adicional de segurança e proteção pessoal.

É importante ressaltar que as tarefas específicas de um cão de guarda podem variar de acordo com a raça, treinamento e propósito para o qual foram criados. Cães de guarda bem treinados devem ser supervisionados e acompanhados por proprietários responsáveis para garantir que suas habilidades sejam usadas de forma adequada e segura.

Cães de guarda podem ser tratados como pet ?

Sim, um cães de guarda pode ser tratado como um animal de estimação. Embora tenham sido criados e treinados para desempenhar funções de proteção e segurança, os cães de guarda também podem ser companheiros leais e amorosos em um ambiente familiar.

Embora tenham características específicas que os tornam adequados para o trabalho de guarda, eles também têm necessidades emocionais e físicas semelhantes a outros cães. Eles precisam de amor, carinho, atenção, exercícios regulares, socialização adequada e cuidados veterinários.

É importante lembrar que, além de suas habilidades como cães de guarda, eles têm uma personalidade única e são seres sensíveis. Portanto, um cão de guarda deve ser tratado com respeito, treinado com métodos de reforço positivo e receber uma socialização adequada para se tornar um membro equilibrado e feliz da família.

Embora possam ser treinados para proteger e guardar, eles também podem desfrutar de atividades recreativas, como brincadeiras, caminhadas e interação social. A relação entre um cão de guarda e seu dono pode ser baseada em amor, confiança e respeito mútuo, assim como em qualquer outra relação entre um animal de estimação e seu proprietário.

Mitos sobre cães de guarda

Existem alguns mitos comuns em torno dos cães de guarda. É importante esclarecer esses equívocos para uma compreensão mais precisa desses animais. Aqui estão alguns mitos comuns sobre cães de guarda:

Cães de guarda são naturalmente agressivos:

Esse é um dos equívocos mais comuns. Embora cães de guarda possam ser treinados para serem protetores, eles não são naturalmente agressivos. Com o treinamento adequado, socialização desde filhote e criação responsável, eles podem ser leais e protetores sem serem agressivos.

Cães de guarda não podem ser animais de estimação:

Isso é um equívoco. Cães de guarda podem ser excelentes animais de estimação e membros da família. Embora possam ter características específicas para o trabalho de guarda, eles ainda podem ser amorosos, leais e afetuosos com seus donos.

Cães de guarda atacam indiscriminadamente:

Um bom cão de guarda é treinado para distinguir entre ameaças reais e situações normais. Eles devem receber treinamento adequado para responder apropriadamente a estímulos e comandos. Um cão de guarda bem treinado não atacará sem razão, mas sim em situações legítimas de defesa.

Cães de guarda não precisam de socialização:

Isso é incorreto. A socialização é fundamental para qualquer cão, inclusive para cães de guarda. A exposição a diferentes ambientes, pessoas, animais e situações desde filhote ajuda a desenvolver um cão equilibrado e confiante. Uma socialização adequada também ajuda a evitar comportamentos indesejados ou agressivos.

Cães de guarda não podem conviver com crianças ou outros animais de estimação:

Isso não é verdade. Com o treinamento e socialização adequados, cães de guarda podem conviver harmoniosamente com crianças e outros animais de estimação. É importante introduzir gradualmente os cães a novas situações e garantir a supervisão adequada para uma interação segura.

É essencial entender que cada cão é único, independentemente da raça, e que a criação, socialização e treinamento adequados são fundamentais para moldar seu comportamento. Cães de guarda bem treinados podem ser protetores, confiáveis e afetuosos, e é importante não generalizar ou acreditar em mitos que possam criar estigmas injustos em torno desses animais.

Tempo de treinamento para cães de guarda

O tempo necessário para ter um bom cão de guarda pode variar dependendo de vários fatores, incluindo a raça do cão, o treinamento adequado, a socialização, a dedicação do proprietário e o temperamento individual do animal. Não há um período exato ou uma resposta definitiva, pois cada cão é único e o processo de treinamento pode levar diferentes períodos de tempo para diferentes cães.

Em geral, o treinamento de um cão de guarda começa desde filhote, quando eles são mais receptivos à aprendizagem. A socialização adequada com pessoas, animais e diferentes ambientes é fundamental nessa fase inicial. Isso ajuda a estabelecer uma base sólida para o desenvolvimento de um cão equilibrado e confiante.

O treinamento contínuo é necessário ao longo do tempo para aprimorar as habilidades de guarda e obediência do cão. Isso envolve treinamento de obediência básica, treinamento de guarda específico e reforço constante dos comportamentos desejados.

É importante ter em mente que o treinamento de um cão de guarda requer consistência, paciência e dedicação. É um processo contínuo que exige tempo, esforço e envolvimento ativo do proprietário. O progresso do treinamento dependerá da capacidade de aprendizado do cão, do tempo e recursos investidos no treinamento e da consistência das práticas de treinamento aplicadas.

Além disso, é importante lembrar que o treinamento de um cão de guarda não deve ser visto como um processo para tornar o cão agressivo, mas sim para desenvolver suas habilidades de proteção, obediência e controle adequado em situações apropriadas.

Cada cão é único, e o tempo necessário para ter um bom cão de guarda pode variar. O importante é ser consistente, utilizar métodos de treinamento positivos e recompensadores, e estar comprometido em fornecer a educação e orientação necessárias para o cão se tornar um guarda responsável e equilibrado.

Perguntas frequentes

qual melhor cão de guarda para sítio ?

Um bom cão de guarda para sítio pode ser o Pastor Alemão, Rottweiler ou Bullmastiff, dependendo das necessidades e características específicas do local.

quais os melhores cães de guarda ?

Existem várias raças reconhecidas como excelentes cães de guarda, como o Pastor Alemão, Rottweiler, Doberman, Bullmastiff e Boxer, entre outros.

pitbull é cão de guarda ?

Embora os Pitbulls possam exibir características protetoras, eles não são considerados tradicionalmente como cães de guarda devido ao seu temperamento.

qual o melhor cão de guarda pastor alemão ou rottweiler ?

A escolha entre Pastor Alemão e Rottweiler como melhor cão de guarda depende das preferências pessoais e das necessidades específicas de cada situação, já que ambos são considerados excelentes cães de guarda, com características e temperamentos diferentes.

qual o melhor cão de guarda do brasil ?

O Fila Brasileiro é uma raça reconhecida como um dos melhores cães de guarda do Brasil, devido à sua coragem, lealdade e habilidades protetoras.

labrador é cão de guarda ?

Embora os Labradores sejam cães amigáveis, inteligentes e com instinto de proteção, eles não são considerados tradicionalmente como cães de guarda, pois sua natureza é mais voltada para o trabalho de busca, recuperação e companhia.

LEIA TAMBÉM:

Fique Por dentro Das novidades

Fique Ligado

Posts Relacionados

Seraphinite AcceleratorOptimized by Seraphinite Accelerator
Turns on site high speed to be attractive for people and search engines.